PUBLICIDADE
Cultura
Noticia de: 27 de Abril de 2015 - 16:31
Músicas folclóricas marcam 21 anos do coral do TCE-MS



 
 

 
 

Músicas folclóricas marcam 21 anos do coral do TCE-MS


Tudo começou em junho de 1994 no improviso de uma sala emprestada por uma vizinha. Hoje, essa história mudou, o sonho virou realidade, as notas ganharam formas, as vozes forças e o que era impossível, já dura 21 anos. Essa é a história do Coral do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul (TCE-MS), que neste sábado (24) celebrou o vigésimo primeiro aniversário. O coral atualmente é formado por 30 integrantes, sendo 07 servidores.  E a noite do último sábado ficará na lembrança de cada coralista e dos 300 convidados que ali se fizeram presentes.

 

O coral do TCE-MS trouxe em seu repertório músicas do folclore brasileiro, relembrando contos e lendas como a história do Murucututu, Boitata, Urutal, Tambataja e o Negrinho do Patoreiro. As apresentações foram conduzidas com muito entusiasmo pela homenageada da noite, a maestrina Renny Graeff Sudbrack, que está a frente do coral há 20 anos. Renny Graeff, que completará 85 anos este ano, conta que a escolha do tema surgiu pela necessidade de lembrar a importância das lendas do folclore brasileiro.

 

Segundo ela, a cultura esta cada fez mais esquecida pelos governantes e é preciso embuti-la em cada gesto para que as histórias se perpetuem. “Nós temos um repertório vasto de mais de 100 partituras, mas escolhi esse tema porque o folclore está muito esquecido. E um país sem cultura é um país sem história”.

 

Mesmo diante das dificuldades inerentes da vida, a maestrina enfrentou um acidente vascular cerebral (AVC) que a deixou em uma cadeira de rodas, mas nem por isso ela não desistiu de sua vocação e continua vivendo um dia de cada vez tendo a música como seu alicerce. “Música pra mim é um alimento da vida, principalmente espiritual e também física, porque mesmo em uma cadeira de rodas eu continuo sendo útil e fazendo alguma coisa de bom para esse país”.

 

Com um público de pelo menos 300 pessoas, no teatro Prosa do Sesc Horto, o coral do TCE-MS encantou toda a plateia. A dona de casa Licilene Xavier nunca tinha visto um concerto. “Eu achei tudo lindo, aquelas vozes pareciam coisa de filme, fiquei até com vontade de cantar”, disse em risos.

 

A música tem o poder de unir pessoas e de contar histórias e foi num desses encontros que o professor Nivaldo Parlardino conheceu a Maestrina Renny. Desse dia em diante sua história na música começou. Nivaldo faz parte do coral desde sua formação e admite que a música transformou sua vida principalmente no seu trabalho. “A música me ajudou a trabalhar em sala de aula com meus alunos. A prática do canto me transformou como pessoa. A música esta acima de tudo”.

 

“A conquista não é só nossa, mas sim do TCE-MS que através de seus conselheiros, promoveu essa felicidade esse encontro entre todos os servidores e as pessoas da comunidade. Quem canta vive mais, vive feliz e tem disposição”, disse a coordenadora do Coral do TCE-MS, Soraia Fernandes Ferreira. Hoje, segundo ela, o coral está precisando de vozes masculinas.

 

Para a coordenadora do Coral do TCE-MS, o evento foi a concretização de todo um trabalho realizado com muito amor, uma noite de alegrias e conquistas para o grupo. O coral do Tribunal de Justiça também participou do evento sob a regência de Nilo Cunha.


principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
16/04/2015 - 16:10  Exposição em comemoração ao Dia do Índio
15/04/2015 - 13:01  Cultura leva arte Sul-mato-grossense para feira internacional de artesanato
02/04/2015 - 14:10  Cantora Delinha prepara 2º DVD com participação de orquestra
31/03/2015 - 06:59  Produtos artesanais de Anastácio com mais garantia
20/03/2015 - 16:31  Presidente da FUNDTUR ministra palestra de fomento ao turismo para alunos da UEMS
20/03/2015 - 15:36  Biblioteca Municipal de Aquidauana comemora Dia do Bibliotecário
19/03/2015 - 10:20  Acervo do Museu Lídia Baís será ampliado e Morada será mais um espaço cultural na Capital
14/03/2015 - 09:18  Aquidauana : Ensaios e preparação de figurinos da encenação da Paixão de Cristo continuam
12/03/2015 - 10:40  Delinha poderá ganhar pensão vitalícia do governo
10/03/2015 - 16:22  Vem ai em Aquidauana dia 21 de março o fenômeno da música sertaneja, Loubet.
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE