PUBLICIDADE
Agronegocio
Noticia de: 09 de Agosto de 2018 - 20:37
Juíza de MS entrega cartilha em Guarani e Terena para ministra Cármen Lúcia



 
 

Juíza de MS entrega cartilha em Guarani e Terena para ministra Cármen Lúcia

 
 
Durante a abertura da XII Jornada Maria da Penha, nesta quinta-feira (9), em Brasília, a juíza Jacqueline Machado, que responde pela Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar em MS e titulariza a 3ª Vara da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Capital, entregou para a ministra  Cármen Lúcia um exemplar da cartilha Lei Maria da Penha nos idiomas Guarani e Terena.

Ao lado dos juízes Liliana de Oliveira Monteiro, Alessandro Leite Pereira e Aluizio Pereira dos Santos, Jacqueline representa a magistratura sul-mato-grossense no evento e apresentará ações e resultados obtidos pela justiça de Mato Grosso do Su no painel Boas Práticas em Prevenção de Violências Contra a Mulher, a ser realizado nesta sexta-feira.  

Assim, hoje e amanhã, magistrados, delegados, policiais, promotores e defensores públicos de todo o país estarão reunidos para debater o efetivo cumprimento da Lei nº 11.340/2006, conhecida como Lei Maria da Penha, que completou 12 anos de vigência no dia 7 de agosto. 

Em sua fala, a ministra, que preside o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e o Supremo Tribunal Federal (STF), alertou para o aumento no número de casos de assassinatos de mulheres vítimas de feminicídio no Brasil. 

Para Cármem Lúcia, apesar da Lei Maria da Penha ter modificado substancialmente o tratamento da violência contra a mulher, ainda falta descobrir as motivações desses crimes, que seguem causando milhares de vítimas unicamente por questões de gênero. Atualmente, tramitam no Judiciário 10 mil processos de feminicídio.   

Cartilha - As cartilhas foram criadas em 2016, no Núcleo Institucional de Promoção e Defesa dos Direitos da Mulher (Nudem), pelas defensoras Edmeiry Silara Broch Festi, Graziele Carra Dias Ocáris e Thaís Dominato Silva Teixeira, e impressas na gráfica do Tribunal de Justiça de MS.

A publicação se justifica em razão de ser Mato Grosso do Sul o segundo estado brasileiro a ter o maior número de população indígena. Dados do IBGE, na época do lançamento, revelavam que 50 mil indígenas do Estado são da etnia Guarani e 23.500 Terenas. A maioria, 51%, é de mulheres que não dominam a Língua Portuguesa. 

A cartilha foi criada pelo Nudem depois que indígenas de todo o Estado participaram de um Fórum de Discussão, na Semana de Combate à Violência Contra a Mulher.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
13/12/2018 - 17:10  Casal é preso com 27kg de cocaína em fundo falso de veículo
13/12/2018 - 17:09  Juíza da Capital é a primeira desembargadora eleita por merecimento
13/12/2018 - 17:05  Obras na maior penitenciária de MS garantem mais dignidade ao cumprimento da pena e melhores ...
13/12/2018 - 17:02  PMA de Mundo Novo recebe drone da Promotoria de Justiça de Eldorado para auxiliar nas fiscalizações
13/12/2018 - 16:59  PMR apreende carreta com contrabando e descaminho de pneus na MS 162
13/12/2018 - 16:56  Projeto da Assistência Social de Aquidauana é premiado em concurso de boas práticas de gestão
13/12/2018 - 16:51  Arte, alegria e Papai Noel anunciam o Natal da Esperança em Aquidauana
11/12/2018 - 17:26  Namorada inventa história para justificar que não teria quantia em dinheiro, e responderá por ...
11/12/2018 - 17:24  DOF recupera veículo roubado carregado com droga
11/12/2018 - 17:21  Casa do Trabalhador atualiza vagas de emprego nesta terça-feira
11/12/2018 - 17:15  Praça dos Estudantes já está sendo preparada para o Natal da Esperança
08/12/2018 - 11:27  Corpo de Bombeiros Militar em Aquidauana e Anastácio operacionaliza prevenção nas águas do rio ...
08/12/2018 - 11:26  Corpo de Bombeiros Militar em Anastácio realiza formatura do projeto Bombeiros do Amanhã
08/12/2018 - 11:24  7º Batalhão de Polícia Militar celebra as formaturas dos alunos dos Projeto Patrulha Mirim de ...
08/12/2018 - 11:02  Reunião validou proposta do Estado para a recuperação do Rio Taquari
07/12/2018 - 10:25  Nota de pesar pelo falecimento de Elza Maria cabreira
06/12/2018 - 13:52  CBMMS, participa de treinamento e entrega técnica de Kit Pick UP ao IMASUL e testa novos ...
06/12/2018 - 13:46  Alunos do wrestling, handebol e futebol de base conquistam títulos e orgulham Aquidauana
06/12/2018 - 13:37  CEM de Aquidauana está com atendimentos da Oficina Ortopédica CER/APAE
05/12/2018 - 13:48  Juiz do interior concede medida protetiva por telefone
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE