PUBLICIDADE
Agronegocio
Noticia de: 03 de Outubro de 2018 - 09:22
Eleitores não podem ser presos a partir desta terça



 
 

Eleitores não podem ser presos a partir desta terça

 
 

Começa a valer nesta terça (2) a regra que proíbe a prisão de eleitores. A proteção vale até as 17h da próxima terça-feira (9), dois dias após a realização do primeiro turno das eleições. A determinação está prevista no Código Eleitoral (Lei 4.737, de 1965).


Durante esse período, a legislação só permite o encarceramento em três situações excepcionais: a primeira em caso de flagrante de crime, quando alguém é surpreendido cometendo uma infração ou acabou de cometê-la. 


De acordo com o Código de Processo Penal, se um eleitor é detido durante perseguição policial ou se é encontrado com armas ou objetos que sugiram participação em um crime recente, também há flagrante delito.


No segundo caso, é permitida a prisão daquele contra quem há sentença criminal condenatória por crime inafiançável: racismo, tortura, tráfico de drogas, crimes hediondos, terrorismo e ação de grupos armados contra a ordem constitucional.


A última exceção é para a autoridade que desobedecer salvo-conduto. Funciona assim: o juiz eleitoral ou o presidente de mesa pode expedir uma ordem específica para proteger o eleitor vítima de violência ou que tenha sido ameaçado em seu direito de votar. 


O documento garante liberdade ao cidadão nos três dias que antecedem e nos dois dias que se seguem ao pleito. A autoridade que desobedecer o salvo-conduto pode ser detida por até cinco dias.


O eleitor preso durante a próxima semana deve ser imediatamente levado à presença de um juiz. Se entender que a detenção é ilegal, o magistrado deve relaxar a prisão e punir o responsável. 


A proteção contra detenções durante o período eleitoral também vale para membros de mesas e fiscais de partidos políticos. Já os candidatos estão sob proteção legal contra prisão desde o dia 22 de setembro, salvo se pegos em flagrante delito.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
15/02/2019 - 11:38  Noite chuvosa deixa em alerta defesa civil de Aquidauana
15/02/2019 - 11:35  Piraputanga atrai turistas para o tradicional carnaval ecológico
15/02/2019 - 11:21  TJ publica lista de diretores de foro para este ano em MS
15/02/2019 - 10:59  Produtores da região de Aquidauana e Três Lagoas recebem equipamentos agrícolas do Governo do Estado
15/02/2019 - 10:58  Imasul apresenta relatório da vistoria da força-tarefa em barragens de Corumbá
15/02/2019 - 10:50  Após furtar camisetas em uma loja no Centro da cidade, homem é preso pela Polícia Militar em ...
15/02/2019 - 10:43  Secretários buscam apoio junto ao Governo do Estado para saúde e projetos culturais
15/02/2019 - 10:38  Vigilância Sanitária e Saúde do Trabalhador realizam ação educativa com merendeiros das escolas
13/02/2019 - 10:56  Prefeitura de Aquidauana empossa convocados e encerra o concurso público
13/02/2019 - 10:30  CPM/9º BPM prende três por tráfico de drogas
13/02/2019 - 10:28  Geração de Renda sedia curso de noções básicas em primeiros socorros.
13/02/2019 - 10:25  Governador vem à Aquidauana para entregar patrulhas mecanizadas, equipamentos e insumos
11/02/2019 - 17:46  Aquidauana e outras 30 cidades estão em alerta de tempestade até amanhã
11/02/2019 - 17:35  Campus Party e Ministério da Ciência e Tecnologia lançam campanha para reciclagem de lixo eletrônico
11/02/2019 - 17:25  Representantes do Comando-Geral da PM visitam o presidente do TJMS
11/02/2019 - 17:01  Aquidauanense segue firme no campeonato Sul Mato-grossense de futebol
11/02/2019 - 16:59  DOF apreende produtos de origem estrangeira avaliados em 70 mil reais
11/02/2019 - 09:45  DOF apreende droga em ônibus
11/02/2019 - 09:42  Em atendimento a ocorrência no Bairro Jardim Aeroporto, Polícia Militar em Aquidauana apreende ...
11/02/2019 - 09:38  Polícia Militar autua 11 pessoas em R$ 29 mil por manter animais silvestres ilegalmente em ...
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE